Último encontro antes do Natal: melhor impossível!

Último encontro antes do Natal: melhor impossível!

Olá leitores (as)

Preciso falar sobre cachê/hora! Ser acompanhante é ter um custo alto para se manter, anúncio, tratamento corporal e facial, cabelo, unha, depilação, academia, vestuário e etc. O cachê é por hora, portanto, se vc tem interesse em manter essa companhia por mais tempo, é sempre bom acertar o período antes do encontro. Pretende jantar ou tomar um vinho, é óbvio que em 1 hora, não será o suficiente. Fica a dica.

Bem, um dos meus últimos encontros de 2019, foi atípico, digo, porque ocorreu no dia 23, quase véspera de Natal e geralmente nessa época é momento de confraternização, estar em família. Fui contatada pelo whatsapp e combinamos o encontro. Ele estava no sítio, tem um haras. Muito educado, inteligente e gentil, nos encontramos no motel. Não imaginava o problema que ele estava enfrentando, entramos na suíte, tomamos uma ducha, coloquei uma música ambiente, nos beijamos, oral, anal, várias posições, mas senti que estava tenso porque não gozou, ele disse que era “coisa da idade” rs e não era para eu me preocupar.

A partir daí, deitados na cama, me contou que está em processo de separação, depois de trinta e cinco anos de casado. 

Poxa! “Depois de trinta e cinco anos?” Indaguei! O motivo foi uma mulher que ele saiu recentemente, situação rara, segundo ele, não tinha acontecido antes, mas alguns dias depois, ela enviou uma mensagem e a esposa viu.

Ela está irredutível, foi viajar e ele ficou só.

Se fosse uma acompanhante, isso talvez não teria acontecido. Digo “talvez”, porque qualquer acompanhante equilibrada emocionalmente, sabe que essa atitude de enviar mensagens não convém e pode ser arriscado. 

No dia do encontro, ele perguntou sobre aqueles “TDs” que constam no meu anúncio do PhotoAcompanhante. 

Eu expliquei, sem muitos detalhes, que existe um site chamado gpguia, onde o cliente relata sobre o atendimento da acompanhante que contratou, atribuindo positivo ou negativo com notas, mas não disse que não gosto do meu nome circulando lá, já que abriram um tópico sem mesmo, eu saber quem é. 

Sabe o que ele fez depois do encontro?

Sim, abriu uma “conta”, acho que esse é o nome certo e fez um relato sobre mim. 

Veja:👇

Eu descobri, porque é o mesmo nome (Gevaert) que consta no email que trocamos mensagem, como ele está em processo de divórcio, decidimos não utilizar o WhatsApp, pois pode acarretar mais problemas. 

Veja:👇

      

Muito chateado, troca mensagens por email diariamente, explicando como estão os dias com o retorno da esposa. Ainda, será um período longo até o divórcio. Já nos encontramos outras  vezes, não comentei sobre o relato, mas ainda vou perguntar rs. Torço para que fique bem e tudo se resolva da melhor forma.

Bjs da Gê

Deixe uma resposta

Fechar Menu